Folha corta vagas e anuncia mudanças editoriais

Jornal atribui ajustes ao fraco desempenho da economia

Do R7

O Grupo Folha realizou cortes de funcionários nesta semana e atribuiu as demissões ao fraco desempenho da economia nacional e ao reflexo na publicidade dos jornais.
Em nota assinada pelo editor executivo Sérgio Dávila, a empresa informa que fará ajustes em suas despesas. Além do corte de vagas de trabalho, o grupo vai suspender a cobertura de folgas e férias.
O grupo informou ainda que o jornal Folha de S.Paulo passará a ter três núcleos de produção a partir da próxima segunda-feira (10). Um de cultura, com os cadernos Ilustrada e Ilustríssima, outro de Mercado, com assuntos de economia e carreiras.
O terceiro núcleo terá as editorias de Ciência, Saúde e Equilíbrio. Segundo o comunicado, os cadernos diários de Poder/Mundo, Mercado, Cotidiano, Esporte e Ilustrada não terão alterações.
Já os cadernos semanais serão publicados da seguinte forma: “às segundas, Folhainvest e Tec; às terças, suplemento do New York Times (que circula na Grande São Paulo); às quartas, Comida; às quintas, Turismo; às sextas, Guia; aos sábados, Folhinha; aos domingos, Ilustríssima, revista sãopaulo e suplementos Carreiras, Imóveis e Veículos. Mensalmente, no último sábado do mês, o Guia de Livros, Discos e Filmes; mensalmente, no último domingo do mês, a revista Serafina”.
O clima da redação é de apreensão.
Veja a íntegra do comunicado:

“O fraco desempenho da economia e seu reflexo na publicidade dos jornais obrigaram a Folha a fazer ajustes pontuais em suas despesas, com corte de vagas de trabalho e suspensão da cobertura de folgas e férias.
Além disso, para otimizar sua operação, o jornal criou três novos núcleos de produção. O de Cultura englobará os cadernos Ilustrada e Ilustríssima, que continuam a existir como hoje.
O de Mercado passará a incluir o caderno diário homônimo e os semanais Folhainvest (segundas) e Carreiras, Imóveis e Veículos (domingos).
O terceiro agrupará as editorias de Ciência, Saúde e Equilíbrio. O caderno Equilíbrio deixa de circular às terças e passa a ser uma página semanal diária em Cotidiano no mesmo dia.
Passa a ser a seguinte a configuração dos cadernos semanais da Folha: às segundas, Folhainvest e Tec; às terças, suplemento do New York Times (que circula na Grande São Paulo); às quartas, Comida; às quintas, Turismo; às sextas, Guia; aos sábados, Folhinha; aos domingos, Ilustríssima, revista sãopaulo e suplementos Carreiras, Imóveis e Veículos. Mensalmente, no último sábado do mês, o Guia de Livros, Discos e Filmes; mensalmente, no último domingo do mês, a revista Serafina.
Não mudam os cadernos diários de Poder/Mundo, Mercado, Cotidiano, Esporte e Ilustrada.
As mudanças passam a valer a partir de segunda-feira, dia 10 de junho.

Abraço,
Sérgio Dávila”

Anúncios

Sobre João Lima

Crítico de entretenimento desde 2001, João Eduardo Lima escreve no Jornal Meio Norte. Foi repórter de Regional, Polícia e Nacional. Em 2005, entrou no mundo da blogosfera independente com o pioneiro TV em Análise. Suas postagens sobre os bastidores do Miss Brasil-Miss Universo mostraram ao público um lado dos concursos de beleza que os organizadores não querem que você saiba. E, ainda por cima, querem, na base da mordaça, impedir você, leitor, contribuinte e pagador de impostos, de saber o que está por trás do manto vermelho da missologia nacional.
Esse post foi publicado em Economia e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s